Search here...
TOP
Sabias Que?

Como fazer refeições sem carne, sem esforço

Quando falamos no veganismo e no vegetarianismo existe um grande estereótipo relacionado com as refeições. A maioria das pessoas tem em mente que este tipo de refeições são completamente diferentes do habitual e estranhas. Enquanto outras têm a ideia que é apenas comer como os coelhos e os pássaros. Mas será que fazer refeições sem carne é assim tão difícil? Ou será que existem pratos que já conhecemos que nos podem ajudar a reduzir o consumo de carne?

Chegámos a uma altura em que o consumo de carne é feito de forma excessiva e sem pensar duas vezes. De tal forma que o pulmão do planeta, a Amazónia, está a ser queimado para criar cada vez mais zonas de criação de gado e de comida para o mesmo. Não precisamos de nos tornar todos vegetarianos e vegans, mas é essencial que reduzamos o nosso consumo de carne, pelo menos a 50%.

Sopa

A sopa é um prato com o qual estamos bem familiarizados. Já repararam que normalmente não leva carne nenhuma? Na maioria dos casos a sopa é feita apenas de legumes com algumas especiarias pelo caminho. Se substituírem a refeição da noite por uma sopa, não só vão estar a reduzir a quantidade de carne que comem a metade, como também estão a fazer uma refeição bem equilibrada e perfeita para o jantar!

Quiche

Normalmente não são refeições completamente vegan, mas apenas vegetarianas pela existência das natas e/ou ovos. No entanto é uma forma fácil de resistir à carne por uma refeição. Basta comprarem a massa folhada (ou até fazer em casa), cozer os legumes que mais gostam, misturar com ovo ou natas batidas , despejar na forma com a massa folhada e levar ao forno. É uma receita simples, deliciosa e saudável. Se sentirem a necessidade de acrescentar alguma carne (podem até ter alguma sobra em casa) também o podem fazer. A redução será na mesma sentida e uma quiche pode dar para várias refeições.

Encontra substitutos para os ovos aqui e para as natas aqui

Salteado de sobras

Quantos de nós ficam com sobras e sobras em casa guardadas no frigorífico? Se não chegam para um refeição podem aproveitar para fazer um salteado. Peguem numa wook ou frigideira juntem um fio de azeite e toca a meter tudo lá para dentro! Se tiverem algum pedaço de carne aproveitem para desfiar que assim rende muito mais. Nesse caso não estarão a fazer uma refeição sem carne, no entanto estão a consumir menos do que se fossem comer um “bife” cada um. É uma excelente forma de reduzir a quantidade de carne numa refeição e reduzir o desperdício alimentar.

Empadão de legumes

Esta é outra receita na qual podem ou juntar os vossos vegetais favoritos ou optar por usar algumas sobras. A base de um empadão pode ser massa ou arroz, e o truque passa por no fim acrescentar umas natas ou pao ralado e levar ao forno. De resto podem acrescentar o que quiserem, ficam muito bem espinafres, tomate às rodelas em cima para gratinar, cenoura, etc, é colocarem o que quiserem!

Douradinhos de espinafres

Todos nós conhecemos os douradinhos de peixe de marcas como a Pescanova e a Iglo. Mas sabiam que a Iglo tem uma versão dos douradinhos em espinafres? São deliciosos e não contêm carne nenhuma! Podem fazê-los no forno e juntar a arroz, massa ou outros legumes. É um dos meus pratos favoritos, principalmente para os dias em que não há muito tempo para cozinhar.

Claro que existem outras receitas e bem saborosas sem carne, mas são mais complexas e para começar é mais simples fazê-lo com o que já conhecemos. Ademais se se quiserem aventurar um bocadinho, comecem a explorar legumes e leguminosas novos e depois as receitas com elementos novos como a soja e o tofu. Esta batalha contra o consumo de carne não precisa de ser “algo doutro mundo” Aproveitem e tentem comprar os vossos ingredientes a granel e em mercearias locais. Não só vão estar a evitar as embalagens de plástico, como também a apoiar o comércio local.

Subsreve à newsletter e recebe um meal planner semanal juntamente com a lista de compras

«

»

1 COMMENT

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *